skip to Main Content
Camacã: Josias Gomes Participa Do Seminário Parceria Mais Forte Pela Agricultura Familiar

Camacã: Josias Gomes participa do seminário Parceria Mais Forte pela Agricultura Familiar

No evento, a SDR fez a entrega de títulos de terra e de mudas frutíferas
O Seminário Parceria Mais Forte – Governo do Estado, Prefeituras e Sociedade Civil juntos pela Agricultura Familiar chegou ao Território Litoral Sul, nesta sexta-feira (30).
Durante o evento, realizado no município de Camacã,  o secretário Josias Gomes – titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) – fez a entrega de 7.500 mudas frutíferas e essências florestais, beneficiando a produção de 45 famílias de agricultores familiares, além de 28 títulos de terra do programa Bahia Mais Forte Terra Legal.
O secretário Josias Gomes destacou que o seminário chega para aproximar ainda mais as Prefeituras do Governo do Estado, por meio da SDR.
“Queremos mostrar aos prefeitos que se eles ajudarem, se incorporarem nesse nosso propósito de dinamizar a agricultura familiar, o resultado será muito melhor. Aqui, a produtividade do cacau gira em torno de 9 arrobas por hectare, com uma renda para a região acima de R$ 15 milhões por ano. Nós temos condições de aumentar a produtividade pra 40 arrobas por hectare e essa renda para R$ 54 milhões e, com isso, promover uma dinamização importantíssima na economia regional”, argumenta Josias Gomes.
Para o presidente do Cima, Guilherme dos Santos, a SDR vem atuando fortemente em toda a Bahia, mudando a realidade dos agricultores familiares: “Com essa Parceria Mais Forte teremos mais apoio do nosso governo para continuar trabalhando pelo rural do estado”.
Terra legal
As entregas das mudas foram realizadas pela SDR, por meio da Superintendência da Agricultura Familiar (SUAF). Durante o evento, também foram entregues, pela SDR, os títulos de terra, por meio da Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA), no âmbito do Projeto Bahia Mais Forte Terra Legal.  O documento permite que o agricultor acesse financiamento junto a instituições financeiras e outras políticas públicas que viabilizam melhorias na sua produção, aquisição de insumos ou outros investimentos, além da aquisição de bens duráveis.
O agricultor Gileno Brito Queiroz ficou satisfeito em receber as mudas e seu título: “Essa é uma grande alegria pra mim e pra meus colegas que receberam, porque a gente tinha a terra, mas não tinha o documento. Mas agora tenho o documento da minha terra e posso dizer que ela é minha, além disso, essas mudas vão melhorar a produção na nossa roça”.
This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top